1º de abril, má reputação e prejuízos

Após um dia refletindo, cheguei a seguinte conclusão:
Para que serve as pegadinhas e brincadeiras de 1º de abril além de gerar muito conteúdo pobre e muitas vezes inútil? Nada além de dar prejuízos.
Uma empresa/pessoa a duras constrói uma reputação, conquista clientes, como consequência desenvolve influência.
Tudo bem, quando se trabalha com humor ou com uma politica de descontração extrema o seu público já conhece seu perfil, logo, uma brincadeira a mais ou uma a menos não fara diferença em suas relações.
Façamos a analise por outro lado, você apoia uma causa e é fiel a ela, mas durante um dia no ano você se opõe a ela. Ok, Sem problemas, mas isso pode trazer más consequências, ou acha que o seu contato vai acreditar em você amanhã com toda certeza?
Creio que já percebeu minha linha de raciocínio, essas brincadeiras podem ficar na mente dos seus contatos ou pior nos buscadores ao lado de informações atuais, gerar confusão e perca de credibilidade e consequentemente PREJUÍZO.
Uma brincadeira pode parecer uma legal e muitas vezes uma obrigação, mas lembre-se as consequências podem não ser tão legais tampouco engraçadas.
Voltar